Senhores Usuários,

Pedimos que consultas/dúvidas sejam preferencialmente realizadas/perguntadas através dos tópicos. Consultas através de mensagens privativas, somente as aconselhamos nos casos que informações claramente pessoais e privativas precisem ser informadas.

agradecemos a colaboração,


Equipe Portal Cidadania Portuguesa

Preenchimento do Requerimento tipo 1C para Processos de Nacionalidade de Filhos de Portugueses

124»

Comentários

  • CEGVCEGV 3026 PontosPosts: 2,406Moderator

    @fabys_machado disse:
    Pessoal, estou preenchendo o formulario 1c editavel, mas na hora de salvar em PDF, fica em branco, vou converter em world e pede para assinar o adobe , é isso mesmo ?

    dê uma olhada nos nosso tópico abaixo
    http://portalcidadaniaportuguesa.com/forum/discussion/24/formularios/p1

  • fabys_machadofabys_machado 220 PontosPosts: 67Member

    @CEGV disse:

    @fabys_machado disse:
    Pessoal, estou preenchendo o formulario 1c editavel, mas na hora de salvar em PDF, fica em branco, vou converter em world e pede para assinar o adobe , é isso mesmo ?

    dê uma olhada nos nosso tópico abaixo
    http://portalcidadaniaportuguesa.com/forum/discussion/24/formularios/p1

    Tu é um gigante, genial! Obrigado. Tinha feito uma pesquisa aqui e esse topico passou batido...rs
    Sem duvidas esse é o melhor portal de cidadania e muito bem administrado, se é que me entende.kkkk
    um abraco e excelente final de semana.

    CEGV
  • Janaina_MarquesJanaina_Marques 2 PontosPosts: 3Member

    Boa tarde, no item 3 do quadro 2: "pretende manter a composição originária do nome", essa composição se refere a do registro de nascimento desconsiderando as alterações feitas por correção ou casamento? Pergunto isso porque já adulta minha mãe mudou uma letra do nome (de S para Z) e posteriormente acrescentou o nome do meu pai. Todas essas alterações constam na certidão que sera enviada por cópia repográfica, mas fiquei em dúvida nesse caso se ela deve marcar sim neste item ou não e especificar novamente a composição atual de seu nome. Grata pela atenção.

  • CEGVCEGV 3026 PontosPosts: 2,406Moderator

    @Janaina_Marques disse:
    Boa tarde, no item 3 do quadro 2: "pretende manter a composição originária do nome", essa composição se refere a do registro de nascimento desconsiderando as alterações feitas por correção ou casamento? Pergunto isso porque já adulta minha mãe mudou uma letra do nome (de S para Z) e posteriormente acrescentou o nome do meu pai. Todas essas alterações constam na certidão que sera enviada por cópia repográfica, mas fiquei em dúvida nesse caso se ela deve marcar sim neste item ou não e especificar novamente a composição atual de seu nome. Grata pela atenção.

    Salvo motivos específicos muito particulares, deixar como "SIM". Em quase 6 anos, nunca vi alguém se utilizar desta opção e cria-se o risco de ter que prestar esclarecimentos posteriores, atrasando seu processo. As correções devido a casamento serão aplicadas quando você transcrevê-lo, posteriormente. Em caso de dúvidas, sugiro enviar perguntas sobre isso para o e-mail registos.centrais@irn.mj.pt . Se optar por questionar, por favor, depois nos informe o que perguntou e qual foi a resposta.

    abraços,

    Janaina_Marques
  • luciaortodontistaluciaortodontista 2 PontosPosts: 1Member

    Boa noite a todos. Tenho algumas dúvidas que gostariam que vocês me ajudassem.
    já possuo a certidão de batismo certificada pela conservatória de povoa Varzim, que substitui o assento de registro civil de nascimento do meu pai, portugues nascido em 1906 e já falecido. No entanto, a duvida é a seguinte:

    • aqui no Brasil o nome dele consta como Abílio Martins dos Santos
    • nos dados do passaporte portugues do pai constava Abílio Martins (somente!)
    • e no documento de certidão de batismo citada acima consta somente o nome Abílio, sem sobrenome.
      Me informaram que se eu enviar para o ACP e sendo o meu pai, português, o declarante do meu registro de nascimento e tendo sido registrada em cartório antes de completar 1 ano de idade, o ACP não pede transcrição do casamento dos pais, basta a cópia da certidão de casamento dele no Brasil, de inteiro teor apostilada, para provar o nome que ele passou a ter.
      Dúvidas:
      1- Preciso enviar a certidão de óbito, de inteiro teor apostilada, do meu pai uma vez que pedem o Assento de nascimento com estado civil atualizado ?

    Poderias me confirmar se são estes os documentos meus (requerente) que devo enviar para a atribuição?
    2-Certidão de nascimento de inteiro teor, reprográfica apostilada.
    3-E necessário enviar 1 cópia da certidão de casamento, de inteiro teor apostilada uma vez que o meu nome foi alterado após o casamento?
    4-Cópia do RG ou passaporte do requerente - Autenticada em cartório e apostilada?
    5-Formulário Mod. 1C : Impresso frente e verso (1 folha apenas) e somente o reconhecimento por autenticidade da assinatura do requerente
    6-Vale postal no valor de €175 (confirmar o valor) pago por vale postal internacional ou cartão crédito internaciona?
    Muitíssimo obrigada pela ajuda!

  • CEGVCEGV 3026 PontosPosts: 2,406Moderator
    editado junho 4

    @luciaortodontista disse:
    Boa noite a todos. Tenho algumas dúvidas que gostariam que vocês me ajudassem.
    já possuo a certidão de batismo certificada pela conservatória de povoa Varzim, que substitui o assento de registro civil de nascimento do meu pai, portugues nascido em 1906 e já falecido. No entanto, a duvida é a seguinte:

    • aqui no Brasil o nome dele consta como Abílio Martins dos Santos
    • nos dados do passaporte portugues do pai constava Abílio Martins (somente!)
    • e no documento de certidão de batismo citada acima consta somente o nome Abílio, sem sobrenome.
      Me informaram que se eu enviar para o ACP e sendo o meu pai, português, o declarante do meu registro de nascimento e tendo sido registrada em cartório antes de completar 1 ano de idade, o ACP não pede transcrição do casamento dos pais, basta a cópia da certidão de casamento dele no Brasil, de inteiro teor apostilada, para provar o nome que ele passou a ter.

    Se você ainda tiver os documentos portugueses do seu pai (passaporte português, cédula de identidade ou Inscrição consular) poderá fazer uma cópia do original, autenticar a cópia em cartório e enviá-la para comprovar o sobrenome que seu pai passou a ter. Assim você não precisará enviar a certidão de casamento apostilada. E será bem mais barato...

    Dúvidas:
    1- Preciso enviar a certidão de óbito, de inteiro teor apostilada, do meu pai uma vez que pedem o Assento de nascimento com estado civil atualizado ?

    Você precisará (do seu pai)
    1) enviar a certidão (assento) de batismo certiicada
    2) algum documento que comprove a fixação do sobrenome. Se for documento brasileiro (casamento / óbito), apostilado. Se for documento português, cópia autenticada.

    Poderias me confirmar se são estes os documentos meus (requerente) que devo enviar para a atribuição?

    @luciaortodontista, eu, pessoalmente, não faço este "batimento de documentos". Muita gente gosta de pedir e alguns até aceitam fazer mas acho extremamente arriscado para ambas as partes, principalmente para futuros requerentes, pois NUNCA um "batimento" destes vai dar a ideia clara do que precisa ser enviado, erros de memória são comuns e quem se ferra é a pessoa pedindo auxílio. Levamos um bom tempo e experiência preparando o tópico de orientações sobre documentos e este aqui, com orientações sobre o preenchimento. O melhor é sempre partir de lá. O link está abaixo.

    O tópico onde falamos de documentação para filhos está em (http://portalcidadaniaportuguesa.com/forum/discussion/28/atribuicao-1c-filhos-de-portugueses-menor-maior-documentos-e-para-onde-enviar/p1). Lá tem todos os casos e documentos que precisam ser enviados em cada caso. E, neste tópico aqui, guiamos o preenchimento (verifique a página 1 deste tópico).

    Se você estiver insegura sobre o que mandar, como mandar, como preencher e ter certeza que tudo está perfeitamente em ordem, pode me procurar através do link https://portalcidadaniaportuguesa.com/forum/messages/add/CEGV e conversamos sobre formas de revisar seus documentos e requerimento antes de você enviá-los.

    abraços e boa sorte

  • ANDREROLFSENANDREROLFSEN 16 PontosPosts: 13Member

    Boa tarde ... poderiam nos ajudar? o pai de um amigo nasceu em Portugal 1927 e se naturalizou/nacionalizou no BRASIL em 1952,o filho agora pode ter nacionalidade Portuguesa? grato pela atenção e resposta

  • CEGVCEGV 3026 PontosPosts: 2,406Moderator

    @ANDREROLFSEN disse:
    Boa tarde ... poderiam nos ajudar? o pai de um amigo nasceu em Portugal 1927 e se naturalizou/nacionalizou no BRASIL em 1952,o filho agora pode ter nacionalidade Portuguesa? grato pela atenção e resposta

    Depende se a naturalização brasileira consta ou não no assento de nascimento do pai do seu amigo e se, como reflexo, ocorreu a perda da nacionalidade Portuguesa. Peça uma via do assento de nascimento para ver o que vem. Pode ser pedido pelo site CivilOnline. Se o Pai do seu amigo ainda estiver vivo e tiver perdido a nacionalidade ele pode readquirir a nacionalidade.

    abraços,

  • ANDREROLFSENANDREROLFSEN 16 PontosPosts: 13Member

    @CEGV disse:

    @ANDREROLFSEN disse:
    Boa tarde ... poderiam nos ajudar? o pai de um amigo nasceu em Portugal 1927 e se naturalizou/nacionalizou no BRASIL em 1952,o filho agora pode ter nacionalidade Portuguesa? grato pela atenção e resposta

    Depende se a naturalização brasileira consta ou não no assento de nascimento do pai do seu amigo e se, como reflexo, ocorreu a perda da nacionalidade Portuguesa. Peça uma via do assento de nascimento para ver o que vem. Pode ser pedido pelo site CivilOnline. Se o Pai do seu amigo ainda estiver vivo e tiver perdido a nacionalidade ele pode readquirir a nacionalidade.

    abraços,

    Obrigado pela atenção... até...

Entre ou Registre-se para fazer um comentário.