Greve do IRN marcada para os dias

agosto: 5, 12, 13, 14, 16, 17 e 26
setembro: 2, 9, 16, 23 e 30
Senhores Usuários,

Pedimos que consultas/dúvidas sejam preferencialmente realizadas/perguntadas através dos tópicos. Consultas através de mensagens privativas, somente as aconselhamos nos casos que informações claramente pessoais e privativas precisem ser informadas.

agradecemos a colaboração,


Equipe Portal Cidadania Portuguesa

Ajuda para Iniciantes buscando informações sobre Nacionalidade Portuguesa

12346»

Comentários

  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator
    editado agosto 7

    @Vânia disse:
    obrigada pela sua ajuda, vou pedir a certidão no civil Online, espero que não demore muito para obter a nova certidão.

    outra dúvida:
    eu posso pedir também a minha cidadania? já averbei o casamento em 2017 e sou casada há 31 anos.

    pode, claro !

    Vou precisar comprovar ligação com a comunidade Portuguesa?

    Certamente não. O que sempre sugiro é que a naturalização do cônjuge seja feita depois da atribuição dos filhos. Assim é mais um elemento de força para comprovar a relação do cônjuge com Portugal pois é esposa e mãe de portugueses. Como é um processo longo, o de cônjuge, normalmente não cria impactos. Temos colegas aqui do Portal que têm conseguido concluir processos de atribuição de filhos em menos de 2 meses. Se quiser me procure que te explico em que condições elas estão ocorrendo.

    Temos ligação com a Portuguesa de Desportos SP, onde meu filho joga Futebol Americano e participo de todos os jogos do campeonato Paulista e |Brasileiro.

    Este tipo de "ligação" é importante somente para atribuição de netos. Entendo, pelas suas informações, que na sua condição esta informação será pouco importante.

    Se quiser me contatar privativamente para tirar dúvidas específicas e detalhadas, pode me enviar mensagem privativa através do link abaixo.
    Enviar mensagem privativa para CEGV

    Abraços e aproveite nosso Portal.

  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator
    editado agosto 9

    @Patricia_Dias72, bem vinda

    @Patricia_Dias72 disse:
    bom dia, meu marido esta começando o processo para a cidadania e minha duvida é: a portuguesa é a mãe dele.

    Na epoca do nascimento dele, 1965 ela ainda nao tinha se divorciado e entáo constou nos documentos dele e na certidao de nascimento dele, o nome dela de casada.
    ela se divorciou depois.

    o declarante da certidao de nascimento dele foi o pai dele, que já é falecido e não possuia a cidadania.

    a minha pergunta é\; se vai cair em exigencia essa observação? o que pode ser feito quais os documentos a serem anexados e encaminhados para dar entrada?

    Se, conforme entendi,

    1) Ele é filho de um relacionamento extra-conjugal da mãe com outro homem,
    2) Ele nasceu ainda durante a constância do casamento anterior da mãe e o pai biológico dele que o registrou,
    3) A mãe ainda é viva e lúcida

    é uma situação mais complicada mas não impossível. Entretanto entendo que não é uma situação que seja resolvida sem ajuda e acompanhamento especializado.

    as irmãs dele conseguiram tirar mas elas eram filhas do primeiro casamento que tem o sobrenome do pai delas.

    Se quiser me contatar privativamente para tirar dúvidas específicas, detalhadas e obter outras orientações, pode me enviar mensagem privativa através do link abaixo.
    Enviar mensagem privativa para CEGV

  • ZaiZai 22 PontosPosts: 3Member

    Oi pessoal ! Gostaria de informacao do seguinte.
    Meus pais sao portugueses e Eu tambem sou portuguesa.
    Meus pais casaram pelo civil. Minha mae adicionou o apelido do meu pai- isso depois de eu nascer.
    Mas meus pais esqueceram de atualizar a minha certidao, que ate hoje 40 anos depois, diz que sou filha de mae e pai solteiros, e o nome da minha mae na minha certidao nem tem o apelido que ela levou do meu pai.....
    O que devo fazer para resolver essa situacao ?
    Ja enviei um montao de emails para portugal, e ate agora nada.
    Ja liguei para varios numeros de la, e nunca acerto no departamento.....
    Estou mesmo desesperada pessoal.... qualquer luz no tunel e uma ajuda
    Obrigada desde ja

    CEGV
  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator

    @Zai, bem vinda.

    @Zai disse:
    Oi pessoal ! Gostaria de informacao do seguinte.
    Meus pais sao portugueses e Eu tambem sou portuguesa.
    Meus pais casaram pelo civil. Minha mae adicionou o apelido do meu pai- isso depois de eu nascer.
    Mas meus pais esqueceram de atualizar a minha certidao, que ate hoje 40 anos depois, diz que sou filha de mae e pai solteiros, e o nome da minha mae na minha certidao nem tem o apelido que ela levou do meu pai.....
    O que devo fazer para resolver essa situacao ?
    Ja enviei um montao de emails para portugal, e ate agora nada.
    Ja liguei para varios numeros de la, e nunca acerto no departamento.....
    Estou mesmo desesperada pessoal.... qualquer luz no tunel e uma ajuda

    Não entendi. Desesperada com o quê ? Você já não é portuguesa ?
    É muito pouco provável que você resolva este tipo de assunto por telefone. Simples assim.

    também Não me ficou claro se o seus pais casaram "no civil" em Portugal ou outro lugar e se o casamento, caso ocorrido fora de Portugal foi transcrito ou não.

    Não vejo motivo para atualizar sua certidão. Você tem o nome que seus pais te deram quando você nasceu e os nomes deles na sua certidão são os nomes que tinham quando você nasceu. Atualizar nomes em certidões somente quando realmente necessário.

    Sigo à disposição,
    Abraços e aproveite nosso Portal.

  • RosaMLimaRosaMLima 22 PontosPosts: 6Member

    Boa tarde : para transcrição de casamento devo enviar certidão de nascimento simples ou de inteiro teor do nubente brasileiro?
    Ele já é falecido , devo enviar certidão de óbito também ?

  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator

    @RosaMLima disse:
    Boa tarde : para transcrição de casamento devo enviar certidão de nascimento simples ou de inteiro teor do nubente brasileiro?
    Ele já é falecido , devo enviar certidão de óbito também ?

    Oi Rosa, tudo bem ?

    Nada se faz em nacionalidade com certidões simples (chamadas de Breve relato).
    Todas as certidões, em processos de nacionalidade, são do tipo Reprográfica (que é uma cópia do livro e também é considerada uma certidão de Inteiro Teor) e a que normalmente chamam simplesmente de Inteiro teor e que chamamos de "Inteiro Teor Digitada" ou "Inteiro Teor Narrativa" ou apenas "Certidão Narrativa".

    Nosso tópico de Ponta Delgada explica direitinho os documentos e os tipos. Link abaixo
    https://portalcidadaniaportuguesa.com/forum/discussion/7/transcricao-de-casamento-em-ponta-delgada/p1

    Se precisar de ajuda no seu processo, pode me procurar pelo link abaixo
    Enviar mensagem privativa para CEGV

    abraços, boa sorte e aproveite nosso Portal.

  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator

    Oi @Larissa, bem vinda

    @Larissa disse:
    Boa Tarde.
    1-Estou enviando o requerimento de transcrição, a certidão de nascimento e a de casamento, mais o RG.
    Será que se eu enviar uma carta junto pedindo para que eles ( Ponta Delgada), comunique Porto, que a transcrição foi feita em Ponta Delgada, eles comunicam?

    Como diz o ditado, "o não você já tem". Não custa nada pedir. O que não garante que farão.

    2-Ou eu tenho que entrar em contato com a conservatória onde foi registado o portugues e avisar onde foi feito a transcrição de casamento?

    não precisa. O registro português é informatizado. Quando a transcrição for realizada, se o registro do português também já estiver informatizado, a "conexão" é automática.

    3-E tem esse modelo de comunidado, tipo:
    Informo que a transcrição de casamento de Fulano foi feita na conservatória de Ponta Delgada.
    (por exemplo).

    Isso é coisa do Brasil. Em Portugal funciona diferente. Aqui é um mundo de gente (+de 200 milhões). Em Portugal são apenas pouco mais de 10 Milhões. Caberiam todos na cidade de São Paulo (12,107 milhões), com sobra.

    4-Gostaria de saber se o Comunicado de Casamento ( transcrição) de Portugal ocorre da mesma forma que aqui no Brasil, um cartório comunica o outro?

    É como expliquei acima. Comunicações em Portugal em geral são mais ágeis.

    Abraços e aproveite nosso Portal,

  • ZaiZai 22 PontosPosts: 3Member

    @CEGV disse:
    @Zai, bem vinda.

    @Zai disse:
    Oi pessoal ! Gostaria de informacao do seguinte.
    Meus pais sao portugueses e Eu tambem sou portuguesa.
    Meus pais casaram pelo civil. Minha mae adicionou o apelido do meu pai- isso depois de eu nascer.
    Mas meus pais esqueceram de atualizar a minha certidao, que ate hoje 40 anos depois, diz que sou filha de mae e pai solteiros, e o nome da minha mae na minha certidao nem tem o apelido que ela levou do meu pai.....
    O que devo fazer para resolver essa situacao ?
    Ja enviei um montao de emails para portugal, e ate agora nada.
    Ja liguei para varios numeros de la, e nunca acerto no departamento.....
    Estou mesmo desesperada pessoal.... qualquer luz no tunel e uma ajuda

    Não entendi. Desesperada com o quê ? Você já não é portuguesa ?
    É muito pouco provável que você resolva este tipo de assunto por telefone. Simples assim.

    também Não me ficou claro se o seus pais casaram "no civil" em Portugal ou outro lugar e se o casamento, caso ocorrido fora de Portugal foi transcrito ou não.

    Não vejo motivo para atualizar sua certidão. Você tem o nome que seus pais te deram quando você nasceu e os nomes deles na sua certidão são os nomes que tinham quando você nasceu. Atualizar nomes em certidões somente quando realmente necessário.

    Sigo à disposição,
    Abraços e aproveite nosso Portal.

    EU nao sei se os meus pais transcreveram ou nao o casamento civil deles feito no estrangeiro.
    A minha mae adicionou o apelido do meu pai.
    Mas no meu cartao de cidadao nao mostra la nome de solteira dela, e nao o de casada

  • ZaiZai 22 PontosPosts: 3Member

    quero dizer - no meu cartao de cidadao o nome da minha mae nao tem o apelido do meu pai, que adquiriu quando fez o civil

  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator

    @Zai disse:
    quero dizer - no meu cartao de cidadao o nome da minha mae nao tem o apelido do meu pai, que adquiriu quando fez o civil

    O provável então é que não tenham transcrito. Se obtiver uma impressão atualizada do Assento português dela fica fácil saber se transcreveu ou não o casamento.

    abraços,

  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator
    editado agosto 11

    @silgom disse:

    Olá ,boa noite , estou fazendo a naturalização dos meus filhos e consegui graças ao Portal tirar algumas dúvidas mas tenho um problema que não consegui resolver , é sobre a cidadania do meu marido . Ele é filho de Pai Português e Mãe Italiana O Pai português foi quem o registrou.

    Se é filho de português, melhor pedir a cidadania portuguesa pelo pai.

    Gostaria de saber se posso fazer a cidadania dele por atribuição sem ter que requerer a Certidão de Nascimento da Mãe (Italiana).

    Sim. Apenas será necessária a certidão de nascimento reprográfica dele e dados ou uma cópia simples do assento de nascimento do pai português.

    Os documentos que tenho dela (Mãe Italiana) são Certidão de Casamento no Brasil e Identidade ,agradeço a ajuda


    Silgom, mensagens duplicadas me geram trabalho duplicado. Por favor as evite.

  • dzgomesdzgomes 18 PontosPosts: 2Member

    bom dia! Colegas venho pedir uma ajuda pois estou perdido. O processo da minha mãe foi concluído semana passada.
    Hoje enviei meus documentos para o requerimento da nacionalidade portuguesa(1-D).
    Porém acabei enviando para a 2ª crc do Porto ao invés de enviar para a ACP. Poderiam me dizer se terei algum problema?
    Muito obrigado

    CEGV
  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator
    editado agosto 12

    @Lesimi, bem vindo

    @Lesimi disse:
    Gostaria de saber qual conservatória está mais rápida entregando o processo pessoalmente e em média está demorando quanto tempo? Se for necessário agendar, quanto tempo antes é preciso fazer o agendamento?

    Lesimi, seria ótimo se fosse simples assim e pudéssemos responder de bate-pronto a sua pergunta. A verdade é que não é.

    Informe se estamos falando em processos de filhos, netos, cônjuges, naturalizados, etc... Informe se existe alguma característica especial e se o(a) português(a) nasceu em Portugal, Brasil ou em Outro país. Informe se o(a) português(a) é que registrou ou não o(a) filho(a) no cartório, se registrou dentro do primeiro ano, o ano que o(a) requerente nasceu e praticamente todos os outros dados constantes na certidão de nascimento do(a) requerente e no assento de nascimento do(a) pai/mãe do(a) requerente.

    com base em tudo isso dá para dar uma resposta. Como a maioria não informa, minha sugestão é

    • Envie processos de filhos para o ACP (se o(a) português(a) nasceu no Brasil ou em Portugal)
    • Envie outros processos para a CRCentrais
    • Envie transcrições para Ponta Delgada.

    Enviar mensagem privativa para CEGV

    Abraços e ótima sorte. Aproveite nosso Portal,

  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator

    @dzgomes bem vindo

    @dzgomes disse:

    bom dia! Colegas venho pedir uma ajuda pois estou perdido. O processo da minha mãe foi concluído semana passada.

    Sua mãe se tornou portuguesa por qual tipo de processo ? Filha, Neta, Conversão, Naturalização ???

    Hoje enviei meus documentos para o requerimento da nacionalidade portuguesa(1-D).

    Se o processo DE SUA MÃE foi concluído seu processo é de filho(a). Então jamais você poderia ter enviado um requerimento 1D junto com seus documentos pois 1D é para Netos e não para filhos.

    Porém acabei enviando para a 2ª crc do Porto ao invés de enviar para a ACP. Poderiam me dizer se terei algum problema?

    Fora os problemas anteriores, a 2a CRC do Porto deve devolver seu processo, indeferi-lo ou enviá-lo para Vila nova do Conde, que é uma CRC pequena.

    Se quiser bater um papo sobre seu caso, e como resolvê-lo, se quiser entre em contato comigo pelo link abaixo.

    Enviar mensagem privativa para CEGV

    Abraços, boa sorte e aproveite nosso Portal,

  • LesimiLesimi 13 PontosPosts: 2Member

    @CEGV disse:
    @Lesimi, bem vindo

    @Lesimi disse:
    Gostaria de saber qual conservatória está mais rápida entregando o processo pessoalmente e em média está demorando quanto tempo? Se for necessário agendar, quanto tempo antes é preciso fazer o agendamento?

    Lesimi, seria ótimo se fosse simples assim e pudéssemos responder de bate-pronto a sua pergunta. A verdade é que não é.

    Informe se estamos falando em processos de filhos, netos, cônjuges, naturalizados, etc... Informe se existe alguma característica especial e se o(a) português(a) nasceu em Portugal, Brasil ou em Outro país. Informe se o(a) português(a) é que registrou ou não o(a) filho(a) no cartório, se registrou dentro do primeiro ano, o ano que o(a) requerente nasceu e praticamente todos os outros dados constantes na certidão de nascimento do(a) requerente e no assento de nascimento do(a) pai/mãe do(a) requerente.

    com base em tudo isso dá para dar uma resposta. Como a maioria não informa, minha sugestão é

    • Envie processos de filhos para o ACP (se o(a) português(a) nasceu no Brasil ou em Portugal)
    • Envie outros processos para a CRCentrais
    • Envie transcrições para Ponta Delgada.

    Enviar mensagem privativa para CEGV

    Abraços e ótima sorte. Aproveite nosso Portal,

    Obrigado pela resposta, filho de portuguesa nascida no Brasil que acabou de reconhecer a cidadania, foi registrada pelo pai brasileiro assim que nasceu, casamento dos pais realizados no Brasil já foi transcrito.

  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator

    @Lesimi disse:
    Obrigado pela resposta, filho de portuguesa nascida no Brasil que acabou de reconhecer a cidadania, foi registrada pelo pai brasileiro assim que nasceu, casamento dos pais realizados no Brasil já foi transcrito.

    Envie para o ACP. Caso queira que os documentos sejam revisados antes do envio, evitando sustos ou inconvenientes durante o processo, fique à vontade para me procurar, privativamente.

    abraços e ótima sorte,

  • LesimiLesimi 13 PontosPosts: 2Member

    @CEGV disse:

    @Lesimi disse:
    Obrigado pela resposta, filho de portuguesa nascida no Brasil que acabou de reconhecer a cidadania, foi registrada pelo pai brasileiro assim que nasceu, casamento dos pais realizados no Brasil já foi transcrito.

    Envie para o ACP. Caso queira que os documentos sejam revisados antes do envio, evitando sustos ou inconvenientes durante o processo, fique à vontade para me procurar, privativamente.

    abraços e ótima sorte,

    Show muito obrigado

    CEGV
  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator

    @Joyce disse:
    Boa tarde!

    Minha mãe já possui a cidadania portuguesa.
    Na época em que nasci, meus pais ainda não eram casados. Eu nasci em 1985, meu pai me registrou após 4 dias do meu nascimento, minha mãe manteve o nome de solteira.
    De acordo com o quadro mostrado, não é necessário transcrever o casamento de meus pais, correto? Já que eles não eram casados na época.

    A partir de 1978 a maternidade passou a ser pressuposta nesses casos.

    abraços

  • juniorsantosjuniorsantos 4 PontosPosts: 2Member

    Bom dia sou novo aqui. Meu processo e por avos. E a fase 1 esra verde mas logo em baixo esta que os servicos estao a preparar os documentos para analise do pedido. Devo desconsiderar que estou na fase 1 e o site nao atualizou? Processo de n 122xx /2019

  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator

    @juniorsantos, bem vindo

    @juniorsantos disse:
    Bom dia sou novo aqui. Meu processo e por avos. E a fase 1 esra verde mas logo em baixo esta que os servicos estao a preparar os documentos para analise do pedido. Devo desconsiderar que estou na fase 1 e o site nao atualizou? Processo de n 122xx /2019

    Amigo, relaxe. Seu processo leva em média um ano e meio. No começo é assim mesmo. Serão meses parados até começar a andar e depois para novamente. Eu esqueceria do processo pelos próximos 10 meses, pelo menos.

    abraços e ótima sorte.

  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator

    @juniorsantos disse....

    Junior, aqui respondemos TODAS as mensagens. Não é necessário colocar o mesmo assunto 3 vezes e desaconselhamos este tipo de atitude veementemente. Agradecemos a colaboração.

    abraços,

  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator

    @HenriqueAfonso, bem vindo

    @HenriqueAfonso disse:
    Boa tarde.

    Meu avô (portugues) veio de Portugal para o Brasil a muitos e muitos anos atrás. Posteriormente, minha avô (portuguesa) veio para o Brasil também, junto com filhos e filhas que tinha com meu avô.
    Minha mãe (portuguesa), que veio com a minha avô, se casou com um brasileiro (cerca de 30 anos atrás).
    Quando ela se casou ela "colocou" um sobrenome do meu pai.
    (EXEMPLO ILUSTRATIVO: Ela se chamava "A B C" e ele se chamava "X Z". Após o casamento ela passou a ser chamada de "A B C Z" e ele "X Z". O sobrenome dele foi "adquirido" por ela)
    10 anos atrás minha mãe (portuguesa) se separou do meu pai (brasileiro). Não voltou para o nome de solteira, manteve o nome de casada.

    Hoje, eu, com 27 anos, gostaria de ter a cidadania Portuguesa. Porém esbarrei nessa questão: o que eu tenho que fazer e como? Quais documentos eu preciso?

    Não se preocupe com a questão do nome da sua mãe. Isto não é um problema. Não é problema o nome dela de casada e não é problema ela ter mantido o nome após divórcio.

    Meu avô e minha mãe ainda se encontram vivos.

    Sou brasileiro. Quero a cidadania Portuguesa. Mãe portuguesa. Pai brasileiro.
    Mãe alterou o nome no casamento. Então nos registros de Portugal ela teria que alterar o nome também, certo?

    não é bem assim.
    A rigor sua mãe tem que transcrever o casamento dela em Portugal para que você possa requerer sua nacionalidade portuguesa. Se foi seu pai que declarou seu nascimento no cartório quando você nasceu, este é o caminho. É um procedimento rápido a transcrição do casamento da sua mãe.

    Bom, então, quais documentos eu preciso e o que preciso fazer/como fazer?

    veja primeiro o tópico de transcrição
    https://portalcidadaniaportuguesa.com/forum/discussion/149/aquisicao-da-nacionalidade-pelo-casamento-artigo-3-da-ln/p1

    e depois veja o tópico de atribuição de filhos
    https://portalcidadaniaportuguesa.com/forum/discussion/28/atribuicao-1c-filhos-de-portugueses-menor-maior-documentos-e-para-onde-enviar/p1

    Tem que fazer a transcrição e só depois o seu pedido de nacionalidade. Não dá para fazer ou enviá-los juntos. Faça um depois o outro.

    Eu teria que fazer uma transcrição do casamento da minha mãe? (que já separou) É possível isso?

    já respondido...

    Feito a transcrição do casamento eu também tenho que fazer a do divórcio?

    A rigor, teria sim. Mas como é algo caro, muita gente deixa pendente e acaba só fazendo quando casa novamente e quer transcrever o novo casamento em Portugal.

    E afinal, pelo que entendi lendo alguns tópicos aqui eu iria adquirir uma certidão de nascimento. Certo?
    E o que é a transcrição? Eu teria que ir até Portugal? Minha mãe teria que ir até Portugal? Ou todos os procedimentos podem ser tomados aqui do Brasil?

    Transcrição é o registro, em Portugal, de um determinado ato civil (casamento ou óbito) que ocorreu fora de Portugal. Como o casamento ocorreu no Brasil, tem que transcrevê-lo em Portugal para que o casamento passe a valer (independente de já ter ocorrido o divórcio).

    E, não, não precisa ir a Portugal. Tudo pode ser enviado do Brasil para ser tratado e registrado em Portugal, acompanhando o desenrolar de tudo aqui no Brasil.

    Enfim, eu encontrei muitas informações sobre como o filho adquirir a cidadania quando a mãe está viva; quando a mãe está morta; quando a mãe casou. Mas não encontrei algo mais próximo da minha realidade, qual seja: casamento com alteração do sobrenome e posteriormente um divórcio.

    Conte conosco. Precisando, falamos particularmente e precisando mais ainda posso lhe ajudar guiando seus passos ao longo de todos os processos, desde a obtenção de documentos, revisão dos documentos, orientações de preenchimento, pagamento de emolumentos e acompanhamento de processos. É algo que chamo de "Mentoria em Processos" e ofereço essa ajuda/serviço aos amigos do Portal. Todo expertise que disponibilizo aos colegas aqui do Portal, focado na resolução de problemas pessoais e específicos de cada um.

    Bom, agradeço aos que puderem me dar instruções (e também se for possível falar os custos).

    Se quiser entrar em contato privativamente comigo, faça pelo link abaixo.
    Enviar mensagem privativa para CEGV

    Abraços e aproveite nosso Portal,

  • CEGVCEGV 3766 PontosPosts: 2,888Moderator

    Oi @Nazar, bem vindo.

    @Nazar disse:
    Gostaria de perguntar se alguém com um processo de Art. 6 nº 1, por naturalização (seis anos de residência) sabe quanto demora a finalizar um processo ?. O processo está em fase 4- Verificação de documentos com a mensagem “O seu pedido foi verificado, está completo e válido, e irá agora ser avaliado se cumpre os requesitos legais para lhe ser concedida a nacionalidade Portuguesa“ está assim desde comecei a seguir, dia 01.08.2019 Obrigado!)

    Estimo que o seu processo, desde o momento que foi submetido, levará em torno de 1,5 ano. É o prazo médio de processos de naturalização. Se durar menos, melhor. Se durar mais, não se desespere pois tudo está muito lento no IRN e estão constantemente em greve. Você não informou quando ele foi submetido mas por já estar na fase 4, é um bom sinal pois as diligências externas já foram concluídas.

    abraços e aproveite nosso portal.

Entre ou Registre-se para fazer um comentário.