Incentivamos a leitura do seguinte artigo, com link disponível aqui
Nossos colegas do Portupedia atualizaram a página de cálculo dos Valores de Vales Postais
clique aqui para visitá-la

Ajuda para Iniciantes buscando informações sobre Nacionalidade Portuguesa

1234568»

Comentários

  • AgathaOliveira2019AgathaOliveira2019 12 PontosMember Posts: 1

    Olá pessoal, boa tarde!

    Estou em busca de algumas informações, quem puder me orientar agradeço imensamente.

    Minha ( mãe ) filha de português e eu NETA, pretendemos ir para Portugal em 2020.
    A pretensão é ir morar.

    Começamos o processo de nacionalidade, onde fomos no Consulado da nossa cidade obter informações. Nos deram uma lista de documentos que já providenciamos, está tudo (aparentemente) completo.

    A pessoa que nos atendeu me informou que o processo diretamente na minha cidade levaria em torno de 4 meses, que lá poderíamos dar entrada em ambos processos de ( FILHA e NETA), juntos, me informou custos, mais devido a dúvidas ainda não enviei.

    A dúvida é a seguinte:

    Conversei com várias pessoas (até mesmo pessoas que estavam no consulado nos dias), a respeito, e foi aconselhado enviar pelos correios, por ser mais (RÁPIDO).
    Que esse prazo dado por eles é pura ilusão, que demora cerca de 1 ano ou mais.

    O que podem me dizer sobre isso? Tendo em vista que até dispomos da possibilidade de ir a Portugal resolver isso, caso seja mais viável. (MAIS RÁPIDO).

    --

    A duvida também seria, enviando via correios devo enviar separadamente primeiro o processo de minha MÃE (FILHA DO PORTUGUÊS), ou posso envia junto ao meu?

    Agradeço desde já,

    Agatha.

  • CEGVCEGV 4041 PontosModerator Posts: 3,210
    editado outubro 3

    @AgathaOliveira2019, bem vinda.

    @AgathaOliveira2019 disse:
    Olá pessoal, boa tarde!
    Estou em busca de algumas informações, quem puder me orientar agradeço imensamente.
    Minha ( mãe ) filha de português e eu NETA, pretendemos ir para Portugal em 2020.
    A pretensão é ir morar.
    Começamos o processo de nacionalidade, onde fomos no Consulado da nossa cidade obter informações. Nos deram uma lista de documentos que já providenciamos, está tudo (aparentemente) completo.
    A pessoa que nos atendeu me informou que o processo diretamente na minha cidade levaria em torno de 4 meses, que lá poderíamos dar entrada em ambos processos de ( FILHA e NETA), juntos, me informou custos, mais devido a dúvidas ainda não enviei.
    A dúvida é a seguinte:
    Conversei com várias pessoas (até mesmo pessoas que estavam no consulado nos dias), a respeito, e foi aconselhado enviar pelos correios, por ser mais (RÁPIDO).
    Que esse prazo dado por eles é pura ilusão, que demora cerca de 1 ano ou mais.
    O que podem me dizer sobre isso? Tendo em vista que até dispomos da possibilidade de ir a Portugal resolver isso, caso seja mais viável. (MAIS RÁPIDO).
    A duvida também seria, enviando via correios devo enviar separadamente primeiro o processo de minha MÃE (FILHA DO PORTUGUÊS), ou posso envia junto ao meu?
    Agradeço desde já,
    Agatha.

    Agatha, vamos por partes:
    1) Aqui aconselhamos enviar processos diretamente para Portugal. A experiência tem nos mostrado que é mais rápido e menos burocrático desta forma. Consulados normalmente demandam mais documentos do que quando processos são feitos diretamente em Portugal.

    2) Enviando para Portugal, para as conservatórias que sugerimos, não dá para mandar múltiplos processos que são interdependentes. Primeiro manda-se um processo, aguarda-se ele ser concluído e, logo após, manda-se o seguinte, que depende da conclusão do processo anterior.

    3) Sua mãe é filha e você é neta. Se você nasceu "fruto" do casamento da sua mãe com seu pai (ou seja, eles eram casados quando você nasceu) e o seu pai foi o declarante do seu nascimento no cartório de registro civil onde você foi registrada, será necessário que sua mãe, depois de se tornar portuguesa, transcreva o casamento dela em Portugal antes que você possa submeter seu processo de cidadania.

    4) Caso sua mãe tenha sido a declarante do seu nascimento, dependendo de para onde você enviará seu processo, sua mãe não precisará transcrever o casamento. O mesmo ocorre caso sua mãe não estivesse casada quando lhe teve ou caso não conste "pai" na sua certidão de nascimento. Se seu nascimento foi declarado por um "terceiro", é uma outra história...

    5) Prazos: Fazendo na base do "faça você mesmo" você levará aproximadamente 5 a 6 meses para o processo da sua mãe, 3 a 4 para a transcrição de casamento (caso necessária) mais 5 a 6 meses para o seu processo. Isto imaginando que absolutamente todos os documentos estão na mais perfeita ordem. Existem soluções bem mais rápidas mas não são do tipo "faça você mesma" e, acredite, com honorários módicos. Caso se interesse em saber mais sobre o assunto, clique aqui para ler um artigo que escrevi sobre Mentoria em processos de Nacionalidade Portuguesa.

    6) O mais importante é garantir que tudo, absolutamente tudo relacionado aos documentos necessários (de seu avô português, da sua mãe, do casamento da sua mãe e seus) esteja em ordem. Processos bem preparados (documentos, requerimento, pagamento e envio) não geram sustos e surpresas posteriores e agilizam resultados.

    caso deseje, poderá conversar privativamente comigo pelo link abaixo
    Enviar mensagem privativa para CEGV

    abraço, ótima sorte e aproveite nosso Portal,

  • ClaytonClayton 2 PontosSuspended Posts: 3

    Boa tarde a todos;

    Meu nome é Clayton e falo do Brasil. A minha espôsa tem cidadania Portuguesa e ja possui o cartão cidadão, o nosso casamento também etá transcrito em Portugal. Estamos com a viagem marcada para 22 de novembro, estamos indo eu, a minha espôsa e os nossos 2 filhos uma de 15 anos e um de 20 anos, porém a minha espôsa volta depois de 10 dias para o Brasil com previsão de retorno para Portugal só daqui a 8 mêses e nós ficaremos em Portugal. A minha duvida é: Se estamos amparados pela lei de Portugal por sermos parentes de uma cidadã Portuguesa ainda que ela não tenha residência e não esteje presente ? O que será necessário fazermos a respeito de documentação para ficarmos legais nesses 8 meses em que ela estará fora ?

    Grato

  • CEGVCEGV 4041 PontosModerator Posts: 3,210

    Oi @Clayton, bom dia e Bem vindo

    @Clayton disse:
    Boa tarde a todos;

    Meu nome é Clayton e falo do Brasil. A minha espôsa tem cidadania Portuguesa e ja possui o cartão cidadão, o nosso casamento também etá transcrito em Portugal.

    Parabéns pela conquista !!!

    Estamos com a viagem marcada para 22 de novembro, estamos indo eu, a minha espôsa e os nossos 2 filhos uma de 15 anos e um de 20 anos, porém a minha espôsa volta depois de 10 dias para o Brasil com previsão de retorno para Portugal só daqui a 8 mêses e nós ficaremos em Portugal. A minha duvida é: Se estamos amparados pela lei de Portugal por sermos parentes de uma cidadã Portuguesa ainda que ela não tenha residência e não esteje presente ? O que será necessário fazermos a respeito de documentação para ficarmos legais nesses 8 meses em que ela estará fora ?

    Clayton,
    vocês precisariam marcar o mais breve possível o pedido de autorização de residência da família inteira e providenciar a submissão dos processos de nacionalidade portuguesa de seus filhos, principalmente para que estejam amparados pela segurança social portuguesa. Seu processo de cônjuge levará um pouco mais de tempo ou, pelo menos, até que você receba um convite formal de emprego. Isto poderá agilizar o processo de sua cidadania. Existem opções para dar celeridade nos processos de seus filhos. Caso se interesse, me procure privativamente, pelo link abaixo.

    Enviar mensagem privativa para CEGV

    Abraços e aproveite nosso Portal,

  • ClaytonClayton 2 PontosSuspended Posts: 3

    A minha esposa não estara presente, você entendeu ? Mas vai deixar o cartão cidadão dela comigo, será possivel agendar no sef dessa forma ? Sem que ela esteje presente ?

  • ClaytonClayton 2 PontosSuspended Posts: 3

    Essa é a minha duvida

  • CEGVCEGV 4041 PontosModerator Posts: 3,210

    @Clayton disse:
    A minha esposa não estara presente, você entendeu ? Mas vai deixar o cartão cidadão dela comigo, será possivel agendar no sef dessa forma ? Sem que ela esteje presente ?

    Rapaz, como ela vai entrar novamente em Portugal ? Com o documento brasileiro dela ? Com cópia do Assento português ? Essas soluções não são boas, Clayton... Portugal é país com outra cultura... Não sou especialista em vistos então não sei dizer o que "funciona" e não funciona e qual o benefício de você ficar com o CC da sua esposa. Acho que não vai "cair bem" essa história de vocês irem, sua esposa voltar, deixar vocês por 8 meses. Definitivamente não é o tipo de solução que me deixaria confortável se estivesse no seu lugar.

    abraços,

  • RenataPRenataP 29 PontosMember Posts: 8

    Boa tarde! O processo do meu filho ja foi deferido e aguarda o registro do cidadao português já faz 1 mes. Sei que houve uma greve nas últimas 2 semanas o que deve ter atrasado a emissao do registro porém, alguém tem informaçao de quanto tempo está levando para sair o assento de nascimento?

    CEGV
  • RenataPRenataP 29 PontosMember Posts: 8

    Outra dúvida, quando chegar o assento de nascimento, como devo proceder para cosneguir o CC + passaporte com urgência uma vez que moro fora do Brasil e a embaixada no pais que vivo nao tem um bom atendimento? Mesmo que seja em Portugal, alguem sabe o procedimento?

  • CEGVCEGV 4041 PontosModerator Posts: 3,210

    @RenataP disse:
    Boa tarde! O processo do meu filho ja foi deferido e aguarda o registro do cidadao português já faz 1 mes. Sei que houve uma greve nas últimas 2 semanas o que deve ter atrasado a emissao do registro porém, alguém tem informaçao de quanto tempo está levando para sair o assento de nascimento?

    Depende de onde está sendo tramitado o processo do seu filho.

    @RenataP disse:
    Outra dúvida, quando chegar o assento de nascimento, como devo proceder para cosneguir o CC + passaporte com urgência uma vez que moro fora do Brasil e a embaixada no pais que vivo nao tem um bom atendimento? Mesmo que seja em Portugal, alguem sabe o procedimento?

    O mais rápido é no campus da Justiça, em Lisboa. Veja minhas orientações no link abaixo

    https://portalcidadaniaportuguesa.com/forum/discussion/comment/6757/#Comment_6757

    Abraços e ótima sorte !

  • VakoVako 2 PontosMember Posts: 1

    Meu processo está na Fase 4 - Documentos de verificação.

    Alguém sabe quanto tempo leva depois disso? Candidatei-me no CRC Lisboa, com um motivo de Naturalização. Número do processo 36XX / 2019. Aplicado em novembro de 2018, mas só foi numerado em 2019.

    Além disso, isso significa a verificação dos documentos que enviei ou dos documentos das entidades, por exemplo, do SEF? Tenho uma dúvida no certificado de lingua portuguêsa, se eles o aceitarão ou solicitarão mais provas.

  • CEGVCEGV 4041 PontosModerator Posts: 3,210

    @Vako, bem vindo

    @Vako disse:
    Meu processo está na Fase 4 - Documentos de verificação.
    Alguém sabe quanto tempo leva depois disso? Candidatei-me no CRC Lisboa, com um motivo de Naturalização. Número do processo 36XX / 2019. Aplicado em novembro de 2018, mas só foi numerado em 2019.
    Além disso, isso significa a verificação dos documentos que enviei ou dos documentos das entidades, por exemplo, do SEF? Tenho uma dúvida no certificado de lingua portuguêsa, se eles o aceitarão ou solicitarão mais provas.

    Vako, você não nos disse qual o tipo de seu processo ou por qual artigo você está requerendo sua cidadania. Pelo seu texto imagino que seja um processo de naturalização ou aquisição mas não ficou claro se é por tempo de residência legal, por ser cônjuge de português (com ou sem filhos), se você nasceu no Brasil ou em outro país, etc... é difícil dizer algo sem maiores informações (não privativas) mas importantes do seu processo. Você não precisa nos dizer nomes e outras informações privativas mas as informações genéricas do seu processo e história são importantes para, com nossa experiência, tentarmos lhe ajudar.

    abraços e aproveite nosso Portal

  • jose_amaralpinjose_amaralpin 3 PontosMember Posts: 0

    Na minha certidão de nascimento (portuguesa) o nome da minha mãe está acrescido de um sobrenome que não constam nas
    certidões de nascimento e de casamento de minha mãe (documentos portugueses )
    preciso tirar este sobrenome da minha certidão para ficar conforme os documentos dela
    O que fazer?

    CEGV
  • CEGVCEGV 4041 PontosModerator Posts: 3,210

    Oi @jose_amaralpin, bem vindo

    @jose_amaralpin disse:
    Na minha certidão de nascimento (portuguesa) o nome da minha mãe está acrescido de um sobrenome que não constam nas certidões de nascimento e de casamento de minha mãe (documentos portugueses ) preciso tirar este sobrenome da minha certidão para ficar conforme os documentos dela

    Um sobrenome ou mais de um ? Você falou em um e depois falou em "constam". Ficou a dúvida.

    De qualquer forma, em casos específicos o notariado português, principalmente em casos de mulheres, adicionam sobrenomes de suas famílias caso estes sobrenomes tenham sido, por algum motivo, suprimidos pois em Portugal é proibido suprimir completamente os sobrenomes dos pais nos nomes de seus filhos, como permite-se aqui no Brasil. Pode ser este caso ou pode ser algum erro. Só com análise detalhada de documentos dá para avaliar e dar uma resposta adequada.

    O que fazer?

    Se a sua certidão portuguesa foi emitida recentemente (se você for um "português novo") envie mensagem para a conservatória onde o seu processo de cidadania foi deferido, perguntando se existe algum erro, explicando sua situação. Se ocorreu algum erro eles acertarão a sua certidão. Se não houve eles lhe justificarão porque o nome da sua mãe no seu assento português foi escrito desta forma.

    Uma boa alternativa também é pedir uma emissão do assento de nascimento (e casamento) da sua mãe. Pode esclarecer o mistério.

    abraços e boa sorte,
    Caso precise se ajuda, fique à vontade para me procurar privativamente pelo link abaixo.

    Enviar mensagem privativa para CEGV

  • filipe1503filipe1503 2 PontosMember Posts: 0

    Prezados, o pai da minha bisavó é português, para ela, minha bisavó ainda viva obter a cidadania e preciso que o pai dela português tenha sido casado com a mãe dela ? desde já obrigado.

  • CEGVCEGV 4041 PontosModerator Posts: 3,210

    Oi @filipe1503, bem vindo.

    @filipe1503 disse:
    Prezados, o pai da minha bisavó é português, para ela, minha bisavó ainda viva obter a cidadania e preciso que o pai dela português tenha sido casado com a mãe dela ? desde já obrigado.

    Não necessariamente. Se o seu trisavô, português, pai de sua bisavó, foi quem declarou no cartório brasileiro o nascimento da sua avó e se a sua trisavó, mãe de sua bisavó, nasceu no Brasil, a rigor não será necessária a transcrição se o requerimento for enviado para o ACP (Arquivo Central do Porto) ou outra conservatória que aceite fazer o processo sem transcrever o casamento.

    abraços,

  • RodriguesRodrigues 3 PontosMember Posts: 3

    CEGV, muito grato pela orientação, bem esclarecedora. A propósito, ouvi dizer que está havendo uma greve que deverá atrasar ainda mais a tramitação dos processos de cidadania. Essa informação é verídica? Grato mais uma vez!

  • CEGVCEGV 4041 PontosModerator Posts: 3,210

    @Rodrigues disse:
    CEGV, muito grato pela orientação, bem esclarecedora. A propósito, ouvi dizer que está havendo uma greve que deverá atrasar ainda mais a tramitação dos processos de cidadania. Essa informação é verídica? Grato mais uma vez!

    A greve já acabou mas se juntarmos todos os dias de paralisação este ano deve passar de um mês de impacto direto nos processos. Agora torcemos para não termos mais surpresas ou greves nos próximos meses.

  • RodriguesRodrigues 3 PontosMember Posts: 3

    CEGV, mais uma vez, muito grato pela ajuda. Que tenhas um bom fim de semana.

    CEGV
  • CEGVCEGV 4041 PontosModerator Posts: 3,210

    Oi @CarlosDaniel, bem vindo

    @CarlosDaniel disse:
    Como descobrir em qual "cartório" meu pai foi registrado para pedir a segunda via da certidão de nascimento dele.

    Dê uma olhada no seguinte tópico

    https://portalcidadaniaportuguesa.com/forum/discussion/267/procurando-documentos-de-portugueses-em-portugal-fontes-de-pesquisa/p1

    abraços e aproveite nosso Portal

  • MartinsMartins 2 PontosMember Posts: 1

    Olá pessoal envio o meu processo de pedido de nacionalidade eu já tenho número do meu processo mas mas a senha está difícil porque estou contando pelo telefone ninguém me responda. Se alguém ajuda-me a encontrar a senha eu agradeço.

  • CEGVCEGV 4041 PontosModerator Posts: 3,210

    @Martins, bem vindo

    @Martins disse:
    Olá pessoal envio o meu processo de pedido de nacionalidade eu já tenho número do meu processo mas mas a senha está difícil porque estou contando pelo telefone ninguém me responda. Se alguém ajuda-me a encontrar a senha eu agradeço.

    A Solução está no tópico abaixo.
    https://portalcidadaniaportuguesa.com/forum/discussion/306/como-acompanhar-processos-de-nacionalidade-portuguesa/p1

    abraços e aproveite nosso Portal,

  • mingo_tomemingo_tome 2 PontosMember Posts: 1

    Caros amigos, bom dia. Sou iniciante aqui e gostaria de obter, por gentileza, ajuda para o seguinte:

    Entrei com um processo de nacionalidade junto a 1° CRC do Porto em 15/05/2019. O mesmo já recebeu nessa data numeração e protocolo e segue com o status "em análise".

    O tipo do processo é para filho (sou filho de cidadão português), e acredito ter apresentado corretamente os documentos necessários, tanto os de meu pai português, quanto os meus. Há como estimar um prazo para esse tipo de processo nessa Conservatória?

    É possível fazer o acompanhamento da tramitação do processo pela internet, ou apenas pelo telefone? (estou no Brasil e não posso fazê-lo presencialmente na Conservatória). Caso faça a consulta por telefone junto a LR (Linha de Registros, correto?) há alguma dica ou pergunta chave que devo fazer para obter uma resposta mais direta e segura?

    Desde já, agradeço a todos e todas.

    Um abraço!

  • GéssicaGéssica 2 PontosMember Posts: 0

    Sou neta de português e quero requerer a atribuição de nacionalidade portuguesa para o meu pai, que é filho de português. Meu avô português veio para o Brasil se casou com minha avó brasileira e faleceu. Minha avó ainda está viva. Gostaria de fazer o processo por uma conservatória, porém estou na dúvida se preciso transcrever o óbito e o casamento dele antes? Obrigada.

  • CEGVCEGV 4041 PontosModerator Posts: 3,210
    editado outubro 17

    Oi @Géssica, bem vinda

    @Géssica disse:
    Sou neta de português e quero requerer a atribuição de nacionalidade portuguesa para o meu pai, que é filho de português. Meu avô português veio para o Brasil se casou com minha avó brasileira e faleceu. Minha avó ainda está viva. Gostaria de fazer o processo por uma conservatória, porém estou na dúvida se preciso transcrever o óbito e o casamento dele antes? Obrigada.

    Géssica,

    1) Faça primeiro o requerimento da nacionalidade portuguesa para seu pai. Se foi seu avô português que registrou (foi o declarante) no nascimento do seu pai no cartório brasileiro, ele poderá enviar o processo dele para o ACP (Arquivo Central do Porto) que a rigor não precisará transcrever o casamento do seu avô português com sua avó brasileira.

    2) Se sua avó desejar também se tornar portuguesa e seu avô e sua avó casaram antes de 1981, bastará transcrever o casamento deles que ela poderá se naturalizar portuguesa gratuitamente (sem pagar emolumentos notariais)

    3) Se não foi seu avô que declarou o nascimento do seu pai no cartório onde seu pai foi registrado, a transcrição do casamento entre seu avô e sua avó precisará ser feita

    4) Após a obtenção da nacionalidade portuguesa originária do seu pai você e seus irmãos (se tiver) poderão obter também a nacionalidade originária.

    O importante de tudo que falei acima é ter documentos adequados, obter a certidão de nascimento ou de batismo do seu avô (batismo se ele nasceu antes de 1911) e conferir atentamente todos os documentos para avaliar se todos os dados conferem ou se algo precisará ser corrigido nas certidões dos descendentes do seu avô. Se precisar de ajuda nesta jornada, não hesite em me procurar e se precisar de um guia (mentor) para lhes acompanhar nessa caminhada, entre em contato comigo pelo link abaixo.

    Também sugiro a leitura do seguinte artigo
    https://portalcidadaniaportuguesa.com/forum/discussion/333/decisoes-fundamentais-em-processos-de-cidadania-um-depoimento-de-militante-e-especialista/p1

    De forma muito genérica, o que você precisará fazer é o que relacionei acima. Dependendo das características dos documentos outras ações poderão ser necessárias. Certeza mesmo só com a análise dos documentos que serão usados nos processos. Você também falou sobre transcrição do óbito do seu avô mas essa história de transcrição do óbito é procedimento de consulado. Fazendo direto em Portugal, nas conservatórias portuguesas, é rara a necessidade de transcrição de óbitos.

    Enviar mensagem privativa para CEGV

    abraços, ótima sorte e aproveite nosso Portal,

  • CEGVCEGV 4041 PontosModerator Posts: 3,210

    Oi Mingo, bem vindo

    O tipo do processo é para filho (sou filho de cidadão português), e acredito ter apresentado corretamente os documentos necessários, tanto os de meu pai português, quanto os meus. Há como estimar um prazo para esse tipo de processo nessa Conservatória?

    em torno de 5 a 6 meses.

    É possível fazer o acompanhamento da tramitação do processo pela internet

    Leia o seguinte tópico

    https://portalcidadaniaportuguesa.com/forum/discussion/306/como-acompanhar-processos-de-nacionalidade-portuguesa/p1

    abraços e aproveite nosso Portal,

  • GabrielaZGabrielaZ 2 PontosMember Posts: 0

    Olá a todos. Me perdoem se existe algum tópico certo para esse assunto. Estou totalmente perdida.
    Sou bisneta de português. Em Março de 2018 dei entrada na cidadania do meu avô, fizemos pelo consulado da minha cidade. Meus avós foram atras de tudo, documentos do meu biso, enfim, tudo certinho. Entregamos toda a documentação pedida e disseram que a mesma seria enviada para Lisboa. Esse ano o consulado da minha cidade fechou e ficamos bastante perdidos. Conversando com algumas pessoas, me passaram o contato de um moço que poderia saber a situação desse processo (já que chegou a trabalhar nesse consulado que fechou), o mesmo me informou o seguinte: O processo já foi analisado pelo consulado português lá de Portugal, porem agora ele esta sendo analisado na colônia de integração.

    Depois de muito ler o portal tenho algumas dúvidas:
    Depois do processo do meu avô finalizado vou dar entrada no processo da minha mãe, sei que já posso ir preparando os documentos para quando receber o cartão cidadão do meu avô só dou entrada no processo dela. Pelo que entendi o casamento do meu avô não precisa ser transcrito em Portugal para que minha mãe tire, pois ele é o declarante dela. Porém precisa ser transcrito para que minha avó (com quem meu avô é casado a 53 anos) tire. Estou correta nesses pensamentos?

    Quais seriam os documentos para a atribuição de minha mãe? Devo enviar para ACP Porto. Onde posso obter mais informações?

    Para que por fim eu entre com o meu processo de atribuição eu preciso fazer a transcrição do casamento da minha mãe. Vale ressaltar que minha mãe foi casada, mudou o nome, se divorciou e alterou o nome novamente. Nos meus documentos o nome da minha mãe está de casada, isso pode me trazer algum problema?

  • CEGVCEGV 4041 PontosModerator Posts: 3,210

    Oi @GabrielaZ, bem vinda

    @GabrielaZ disse:
    Olá a todos. Me perdoem se existe algum tópico certo para esse assunto. Estou totalmente perdida.
    Sou bisneta de português. Em Março de 2018 dei entrada na cidadania do meu avô, fizemos pelo consulado da minha cidade. Meus avós foram atras de tudo, documentos do meu biso, enfim, tudo certinho. Entregamos toda a documentação pedida e disseram que a mesma seria enviada para Lisboa. Esse ano o consulado da minha cidade fechou e ficamos bastante perdidos. Conversando com algumas pessoas, me passaram o contato de um moço que poderia saber a situação desse processo (já que chegou a trabalhar nesse consulado que fechou), o mesmo me informou o seguinte: O processo já foi analisado pelo consulado português lá de Portugal, porem agora ele esta sendo analisado na colônia de integração.
    Depois de muito ler o portal tenho algumas dúvidas:

    Depois do processo do meu avô finalizado vou dar entrada no processo da minha mãe, sei que já posso ir preparando os documentos para quando receber o cartão cidadão do meu avô só dou entrada no processo dela.

    Vocês podem entrar com o processo da sua mãe assim que o processo do seu avô for concluído, se seu avô foi o declarante do nascimento de sua mãe. Não precisa esperar o cartão de cidadão.

    Pelo que entendi o casamento do meu avô não precisa ser transcrito em Portugal para que minha mãe tire, pois ele é o declarante dela.

    A rigor, sim. Existem poucas conservatórias, como o ACP, que deferem processos de filhos sem exigir a transcrição do casamento dos pais (quando casados) quando o português foi o declarante do nascimento dos filhos. Se for o caso de sua mãe, vocês podem se beneficiar disso.

    Porém precisa ser transcrito para que minha avó (com quem meu avô é casado a 53 anos) tire. Estou correta nesses pensamentos?

    Sim. Se sua avó quiser obter a cidadania portuguesa, o casamento deverá ser transcrito. Se eles se casaram antes de 1981 o processo de nacionalidade da sua avó será gratuito.

    Quais seriam os documentos para a atribuição de minha mãe? Devo enviar para ACP Porto. Onde posso obter mais informações?

    veja o seguinte link:
    https://portalcidadaniaportuguesa.com/forum/discussion/28/atribuicao-1c-filhos-de-portugueses-menor-maior-documentos-e-para-onde-enviar/p1

    Para que por fim eu entre com o meu processo de atribuição eu preciso fazer a transcrição do casamento da minha mãe.

    Perfeito

    Vale ressaltar que minha mãe foi casada, mudou o nome, se divorciou e alterou o nome novamente. Nos meus documentos o nome da minha mãe está de casada, isso pode me trazer algum problema?

    Nenhum problema. Precisando de orientações específicas, sobre os processos da sua família, você poderá me procurar privativamente pelo link abaixo:

    Enviar mensagem privativa para CEGV

    Abraços, ótima sorte e aproveite nosso Portal,

  • RenataBMSRenataBMS 2 PontosMember Posts: 1

    ALGUÉM PODE ME AJUDAR? Encontrei documento de passagem de hospedaria do meu vô Alcides josé martins, do bisavô josé manoel Martins de sua esposa Elia maria e seus irmãos alciliamaria, benjamim Algusto, aristides, Antônio. eles vieram de portugal vinhais penhas juntas Bragança no dia 14 de agosto de 1928 no navio arlanza com destino ao porto de Santos.Na pagina do arquivo do estado sp em memoria de imigrante essa pagina abriu e consegui ver que eles vieram anotei em um caderno os nomes o número que tinha da familia livro e até como eu consegui encontrar colocando apenas o primeiro nome e sobrenome do meu avô mas agora só aparece um outro josé martins de 40 ANOS E NÃO É ESSE MEU AVÔ TINHA 10 E meu bisavô 32. Estou tentando encontrar informações de como conseguir a certidão de nascimento do meu vô ou bisavô preciso tirar minha cidadania. ENTREI em contato com uma empresa que faz esse trabalho mais achei muito suspeito eles só tem uma pagina e também uma no face mas, não tem telefone nem endereço, não sei se confio. Alguém tem alguma informação dos meus antepassados e poderia me ajudar?

Entre ou Registre-se para fazer um comentário.